sábado, 29 de dezembro de 2012

Saulo Vasconcelos tem quadro exposto em Dubai


Nesta semana Saulo Vasconcelos ganhou um titulo especial, pois se tornou o primeiro artista brasileiro a ser pintado e ter seu quadro exposto na EBN Misr Art Gallery de Dubai. O ator encontra-se muito feliz pelo feito e pelo fato de ter seu trabalho de tantos anos reconhecido.
Veja abaixo a imagem que esta na galeria. Se estiver de passagem por lá vale a pena dar uma conferida.

 

segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

Show de Saulo Vasconcelos e Bianca Tadini



Foi realizado na noite do último sábado (15), no Victória Restaurant, do Thermas Olímpia Resort, o ‘pocket show’ com Saulo Vasconcelos e Bianca Tadini, a convite da Tuti Administradora Hoteleira, sob o comando dos advogados Caia e Iscilla Piton.
 
O evento fez parte de mais um pacote promovido pelo hotel. Além dos hóspedes, puderam assistir ao ‘pocket show’ qualquer pessoa, já que a entrada foi franca. Eles iniciaram com o musical do Fantasma da Ópera e passaram por vários sucessos musicais do teatro, inclusive Não Chores por Mim, Argentina, e terminaram com Abba, convidando a todos para dançarem com eles no palco.
 

 






 
Saulo Vasconcelos juntamente com Bianca Tadini cantou sucessos de musicais como "The Phantom of the Opera", "Point of no Return", "Take me as I am", "Stars",  "This is the Moment", "Music of the Night", " All Ask of You" e muito mais.
 






 
Para contratações ligue: (11) 3881-7273
 
 
 

segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

Feliz aniversário Saulo

Hoje  a postagem não é sobre o Saulo Vasconcelos, mas sim PARA ele.

Afinal, a data de hoje já é um classico aqui no blog, pois é aniversário do nosso querido Saulo.

Com a ajuda de alguns fãs fizemos uma singela homenagem de Parabéns!!

FELIZ ANIVERSÁRIO SAULO 
 
 




Saulo, querido...

Saiba que não só eu, mas milhares de pessoas, desejamos a você muita paz, saúde, amor, alegrias e muito sucesso...

Com certeza nós comemoramos muito esse seu novo ano de vida, por ser mais um ano de convivência com uma pessoa fantástica e de um carisma imenso, muito querido e amado por todos. Uma pessoa de sucesso que a cada ano traz novos personagens que marcam cada vez mais a vida de seus fãs.

Queria parabenizar você pelo artista que é, que me fez sonhar em tantos momentos... Que me encantou e tocou sempre a minha alma com sua voz divina...

Parabéns ao artista, ao artista que você se tornou mesmo com o enorme sucesso manteve em seu coração a humildade que só os grandes conseguem ter!

Pessoa que eu tenho muito orgulho de dizer que sou fã. A cada novo papel , um novo jeito de encantar e emocionar a todos com seu vozeirão.

Esse artista que emociona... que vibra.. que é paixão pura!
Quero que sinta-se abraçado e que receba todos os sentimentos maravilhosos que eu e todos os seus fãs nessa data tão querida mandamos a você hoje.
Espero que a cada ano você seja mais feliz, levando a sua felicidade a todos ao seu redor,que seus sonhos se realizem sempre... Felicidades sempre!!!

Grande abraço.
Beijos e saudades!
Caroline Lima

domingo, 2 de dezembro de 2012

Resultado do sorteio encontro com Saulo Vasconcelos

Eba! Já temos os nomes dos ganhadores da promoção para encontrar o Saulo Vasconcelos no próximo sábado dia 08.12.2012.


Lembramos aos ganhadores que para efetivar a premiação é necessário como constava no regulamento pegar uma carta de Natal dos Correios pela ação “Papai Noel dos Correios 2012” e doar um presente para a carta escolhida, fotografar o envio do presente e depois nos mandar a foto, para posterior postagem no blog, pelo email saulovasconcelosblogoficial@gmail.com. Ao recebermos as fotos devolveremos um email de confirmação e nele informaremos o endereço de encontro.
 
Parabéns! E muito obrigado a todos que participaram!!!!!

sexta-feira, 30 de novembro de 2012

Saulo Vasconcelos e Bianca Tadini em pocket show em dezembro

A empresária Iscilla Piton da Tuti Administração Hoteleira confirmou no início da noite de ontem a participação de Saulo Vasconcelos e Bianca Tadini em pocket show dia 15/12, no Thermas de Olímpia Resort.
Saulo Vasconcelos, 38 anos, é um dos mais bem-sucedidos ator de musicais no país, já foi visto por mais de 3 milhões de pessoas no Brasil e no México.  Atuou com personagens principais de “O Fantasma da Ópera”, “Bela e a Fera”, “Mamma Mia”, Les Misrables”, “Priscila, Rainha do Deserto”, “Cats” entre outros.
Bianca Tadini é formada em ‘Musical Theater’ pela American Musical and Dramatic Academy de Nova Iorque. Profissionalmente fez o papel de Tiffany no musical Off-off Broadway “Soap Opera” em Nova Iorque, e participou das turnês norte-americanas de “Ellis Island” e “Cinderella”.
Aqui no Brasil foi Mrs. Cohen em “Rent”, fez parte do ensemble e foi cover de Clementina em “Ai Vem o Dilúvio”, interpretou Dorothy em “O Mágico de Oz”.
Bianca fez parte do ensemble e foi cover de Christine em “O Fantasma da Ópera” e em “My Fair Lady” como parte do ensemble e cover de Eliza Doolittle. Atuou como Maria no musical “West Side Story” dirigida por Jorge Takla, pelo qual recebeu o Prêmio Qualidade Brasil de Melhor Atriz de Espetáculo Musical (2008).
Também atuou em “O Rei e Eu” como Tuptim, e fez o papel da Amante de Peron e foi substituta de Evita em “Evita”, ambos espetáculos dirigidos por Jorge Takla. Recentemente fez parte do Ensemble e foi cover de Tanya no musical “Mamma Mia!”.
Não percam, pois será super demais...
 

sábado, 24 de novembro de 2012

Encontro com Saulo Vasconcelos

Galera que tal a saideira do ano??
Dia 08.12.2012 às 12:30h Saulo Vasconcelos estará esperando por vocês para passarem juntos alguns momentos legais, mas como o tempo é curto e queremos que seja legal vamos listar o nome de apenas 5 pessoas com um acompanhante cada.



Para entrar para lista:
Simples. Faremos o sorteio atraves do Yes Ganhei, aplicativo de sorteios no facebook clique aqui para concorrer, basta clicar e participar.

Lembrando que o encontro ocorre sob a condição de que os SORTEADOS peguem uma carta de Natal dos Correios pela ação “Papai Noel dos Correios 2012”, doe um presente para a carta escolhida, fotografe o envio do presente e depois nos mande a foto, para posterior postagem no blog, pelo email saulovasconcelosblogoficial@gmail.com. Ao recebermos as fotos devolveremos um email de confirmação e nele informaremos o endereço de encontro.
  
E para quem se sentir a vontade no dia do almoço leve a cartinha para que ela seja lida. Além de um momento divertido que seja também um momento que se concretize como solidário.
 O sorteio será realizado dia 02.12.2012
Para saber mais da ação Papai Noel dos Correios 2012, acesse: http://www.correios.com.br/papainoelcorreios2012/ 
Boa Sorte para todos e bom almoço.

quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Almoce com Saulo Vasconcelos e ainda ganhe um par de ingressos

Almoce com Saulo Vasconcelos no Restaurante América do Bourbon Shopping no dia 24.11.2012 e ainda ganhe um par de ingressos para assistir "Priscilla, Rainha do Deserto" no mesmo dia às 17h através do facebook do teatro Bradesco.



Quer saber mais e como participar o resultado sai sexta-feira, dia 23 de novembro, às 16h., então, não perca essa oportunidade e acesse: https://www.facebook.com/teatrobradesco?sk=app_165114686916599

sábado, 17 de novembro de 2012

PROMOÇÕES PARA O MUSICAL PRISCILLA, A RAINHA DO DESERTO

Baseado no premiado filme de mesmo nome, Priscilla, Rainha do Deserto fala da aventura de três amigas que viajam em um ônibus antigo (apelidado carinhosamente de Priscilla) em busca do amor e de verdadeiras amizades e acabam encontrando mais do que jamais haviam sonhado. O musical fez sua estreia mundial em Sydney (2006) e desde então vem experimentando momentos mágicos como o sucesso de crítica em Melbourne (2007), a temporada com ingressos esgotados na Nova Zelândia (2008), e a uma volta triunfal à Sydney devido às solicitações do público (2008) antes da estreia em palcos londrinos (2009), onde esta em cartaz há mais de dois anos. Em 2011 finalmente fez sua parada na Broadway,nos Estados Unidos..
 
No elenco nomes como Saulo Vasconcelos, Simone Gutierrez, Luciano Andrey, Ruben Gabira, André Torquato, Andrezza Massei, Naíma entre muitos outros.
 
Encontre as melhores promoções do musical que está encantando São Paulo. Confira abaixo o procedimento de como participar de cada uma delas:
NA COMPRA DE 1 INGRESSO + 1 CUPOM DE R$ 50,00 DO HIPERMERCADO ZÁFFARI, GANHE + 2 INGRESSOS*
 
Na compra de um ingresso inteiro para assistir ao musical Priscilla, Rainha do Deserto, o cliente que apresentar um cupom fiscal do Hipermercado Záffari a partir de R$ 50,00 ganha mais dois ingressos para a mesma sessão e setor.
 
Promoção válida para compra de ingresso na bilheteria do teatro, nas sessões de quintas-feiras e domingos até 22/11/2012. Válido para compras feitas no mesmo dia da aquisição do ingresso. Não cumulativa com demais promoções. O elenco do espetáculo poderá sofrer alterações sem prévio aviso.
NA COMPRA DE 1 INGRESSO + 1 CUPOM DE R$ 50,00 DAS LOJAS DO BOURBON SHOPPING, GANHE O 2º INGRESSO
 
Na compra de um ingresso inteiro para assistir ao musical Priscilla, Rainha do Deserto, o cliente que apresentar um cupom fiscal das lojas do Bourbon Shopping a partir de R$ 50,00 ganha o segundo ingresso para a mesma sessão e setor. Promoção válida para compra de ingresso na bilheteria do teatro, nas sessões de quintas-feiras e domingos até 22/11/2012. Válido para compras feitas no mesmo dia da aquisição do ingresso. Não cumulativa com demais promoções.
 
O elenco do espetáculo poderá sofrer alterações sem prévio aviso.

terça-feira, 30 de outubro de 2012

DORA BUENO programa MISCELANEA 29/10/2012 entrevista SAULO VASCONCELOS

Para quem perdeu ontem, 29.10.2012, Saulo Vasconcelos no programa Miscelanea sendo entrevistado por Dora Bueno. Conversa super divertida, garantia de risadas do começo ao fim!!
 
 

quarta-feira, 24 de outubro de 2012

Chegou a hora de saber os ganhadores da promoção

Super sucesso foi essa promoção dos ingressos de Priscilla.
 
 
Ok! Sem enrolação quem  irá assistir o musical, amanhã 25.10.2012, ao convite de Saulo Vasconcelos será... Ah!, lembrando que os ingressos deverão ser retirados na bilheteria do teatro a partir das 19h.

E os felizardos serão...hum...Lembrando parte 2, cada sorteado tem direito a um acompanhante.

Agora sim os ganhadores são:



           May Calixto
              Rodrigo Ribassis
          Regis le Conseiller
 
Parabéns aos ganhadores e muito obrigado para todos que participaram!!

domingo, 21 de outubro de 2012

Promoção: Saulo Vasconcelos te dá ingressos para Priscilla, Rainha do Deserto

Saulo Vasconcelos dará 3 pares de ingressos para o musical Priscilla, Rainha do Deserto. Três sortudos serão sorteados para assistir a sessão do dia 25.10.2012 às 21h no teatro Bradesco em São Paulo do musical Priscilla, Rainha do Deserto, o qual Saulo Vasconcelos faz parte do elenco como o querido mecânico BOB. Um espetáculo maravilhoso e divertido.  




Veja o regulamento e como participar acessando o link abaixo:

https://www.facebook.com/saulovasconcelos?sk=app_165114686916599

sexta-feira, 12 de outubro de 2012

(fdp): A Paixão Pelo Futebol

 
 
Acesse a página de FDP em HBO Brasil http://www.hbomax.tv/fdp e encontre vídeos, trailer, galeria de imagens e informações sobre os atores e personagens da série FDP da HBO.

segunda-feira, 1 de outubro de 2012

A lei dentro de campo

Confesso que, no geral, esportes não me despertam muito interesse – algo bem problemático quando se vive no país do futebol, onde a imparcialidade esportiva não é vista com bons olhos. Mesmo assim, o argumento da série FDP, escrita por José Roberto Torero e Marcus Aurelius Pimenta (autores dos divertidos livros Terra Papagalli e O Evangelho de Barrabás), e produzido pela HBO, chamou minha atenção justamente por focar sua trama na persona mais indesejável do futebol brasileiro: o árbitro.
A sigla que da título à série é o palavrão que Juarez Gomes da Silva (Eucir de Souza) mais ouve dentro e fora de campo. Profissional ético de caráter incorruptível, Juarez conquista desafetos por onde vai: por parte de Manuela (Cynthia Fallabela), sua ex-mulher, traída e contagiada com uma doença venérea, que busca a todo custo ter a guarda total de seu filho Vini; por parte de seu padrasto portenho Guzman (Adrian Verdaguer), que não consegue que o enteado favoreça seu time do coração; por parte do juiz que cuida do caso da guarda de seu filho, pelas mesmas razões, enfim. Juarez é odiado justamente por ser bom demais.
Seus únicos e fiéis escudeiros são os bandeirinhas Carvalhosa (o sempre excelente Paulo Tiefenthaler), mulherengo e bon vivant, e Sérgio Balado (Saulo Vasconcelos), gay não assumido que mantém as aparências em um mundo de masculinidade exacerbada. Graças à competência dos três, são convidados para apitar nos jogos da Libertadores da América, sonho próximo de todo árbitro brasileiro. Por onde passam, porém, arrancam injúrias da plateia, sempre dividida em momentos polêmicos.
Está aí a graça de FDP. Embora os episódios neste começo de temporada tenham se mantido mornos e ofereçam pouca catarse ao espectador, a lógica de seu enredo é algo próprio da promiscuidade passional do casamento entre o futebol e a política, do encontro entre a esfera pública e a privada, diversão e empreendimento. E, de certa maneira, o árbitro não media apenas o confronto entre duas equipes rivais, interpõe-se no choque entre esses dois lados do futebol no Brasil, o mal necessário da burocracia dentro de campo.
Mesmo apitando na Argentina, no Uruguai ou na Colômbia, os conflitos morais que dividem o árbitro ajudam a entender os mecanismos que regem a indústria do entretenimento no Brasil. E no final, mesmo fazendo um bom trabalho, sempre há alguém para gritar a Juarez: “Filho da p...”.
 
 

domingo, 23 de setembro de 2012

(fdp): Desafios de Produção

Acesse a página de FDP em HBO Brasil  e encontre vídeos, trailer, galeria de imagens e informações sobre os atores e personagens da série FDP da HBO.







Hoje a noite mais um capítulo inédito na HBO às 20:30h

quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Seriado (fdp): Bastidores

Há quase um mês, todos os domingos às 20:30h, na HBO estreou a série (fdp) que vem  mostrando a história de Juarez (Eucir de Souza) um árbitro de futebol e a sua dificil tarefa de separar a vida pessoal da profissional da melhor forma possível e ética. Porém, como nem tudo na vida ou na TV é só amargura Juarez tem dois fieis amigos o Serjão (Saulo Vasconcelos) e o Carvalhosa (Paulo Tiefenthaler) que estão sempre com ele nos momentos difícies para dar 'aquela' animada ou nas partidas de futebol completando o trio de arbitragem.

Abaixo temos um vídeo dos bastidores de uma das gravações. No vídeo uma conversa entre Saulo Vasconcelos, Paulo Tiefenthaler e a Carol assistente de produção do seriado (fdp). Acompanhe, pois é riso certo.
 
 

sábado, 15 de setembro de 2012

Bastidores de 'Priscilla, Rainha do Deserto'

Vejam os bastidores de Priscilla, Rainha do Deserto através da TV Caras. No video os atores Saulo Vasconcelos, André Torquato, Luciano Andrey e Ruben Gabira

 

quarta-feira, 12 de setembro de 2012

3. Episódio de (fdp)

3. Episódio de (fdp) da HBO. Se você não assistiu veja aqui na integra.
 
Juarez se espanta quando seu filho lhe pede uma sapatilha de ginástica olímpica como presente de aniversário. Durante uma partida no Uruguai, ele fica sabendo que um de seus colegas mais próximos é gay. Enquanto isso, Manuela acaba sendo assediada pelo advogado que a representa na justiça, na disputa pela guarda do filho.
 
Nesse episódio Serjão (Saulo Vasconcelos) faz uma grande revelação para Juarez  (Eucir de Souza). Quer saber o que é?  Então é só assistir...

 

 
Não perca!! O próximo capitulo inédito vai ao ar amanhã na HBO às 20:30h

terça-feira, 4 de setembro de 2012

Superprodução 'Priscilla, Rainha do Deserto' leva ao palco ônibus avaliado em US$ 1,5 mi

CARAS Online visitou os bastidores e conversou com atores do elenco da versão brasileira do musical 'Priscilla, Rainha do Deserto', que está em cartaz em São Paulo até dezembro 
Mais de 500 figurinos, 200 perucas e um cenário espetacular que inclui um ônibus com 30 mil ponto de led avaliado em US$ 1,5 milhão (o equivalente a cerca de R$ 3 milhões). Os números são da superprodução Priscilla, Rainha do Deserto. Inspirado no filme homônimo de 1994, o musical estreou em Sydney (Austrália) em 2006, já foi apresentado em Londres, Toronto e na Broadway. Desde março, está em cartaz em São Paulo.
 
"O filme serviu como inspiração, mas também fomos a Nova York para assistir ao espetáculo e fazer provas de figurino, logo no comecinho do processo. Tivemos a preocupação em pesquisar o universo das drag queens para tentar entender mais ou menos como funciona. Não queríamos transformar os personagens em estereótipos ou mostrá-las de maneira caricata. Tentamos buscar o lado mais humano das personagens", revelou Luciano Andrey (31) à CARAS Online. Na versão brasileira do musical, que conta com 27 atores, ele interpreta Tick (ou Mitzi, quando "montada").
 
O processo de preparação para entrar em cena é longo. "A gente chega sempre duas horas antes, faz o aquecimento corporal e vem para a maquiagem. A minha e a do Luciano são mais simples no começo. Depois a equipe de maquiadores faz o restante. São mais de 20 pessoas. Tem muita troca de maquiagem durante o espetáculo. São trocas muito rápidas, tanto de figurino quanto de maquiagem", contou André Torquato (19), que vive Adam - ou Felicia, quando se torna drag queen. "É meu primeiro protagonista, e meu primeiro papel cômico. Para mim está sendo um divisor de águas", disse o jovem ator.
O trio de drags que atravessa o deserto da Austrália a bordo do ônibus por elas apelidados de Priscilla é completado por Bernadette, na versão brasileira interpretada por Ruben Gabira (52). "Costumo dizer que não é um espetáculo gay. Não é de gueto. Elas são, acima de tudo, três seres humanos. Poderiam ser três donas de casa. Mas atinge também o público gay, claro. As drag queens adoram o espetáculo. Algumas vêm montadas e, no final da apresentação, correm para a frente para festejar. Porque é, também, uma celebração à vida", afirmou. "Acho que isso é o que cativa a plateia. E que transforma também", concluiu.
 
No elenco de Priscilla também está Saulo Vasconcelos (38). Veterano de musicais - ele já atuou nas versões locais de Les Misérables, A Bela e a Fera, O Fantasma da Ópera, Cats e Mamma Mia - Saulo falou sobre a preparação para viver Bob, que se apaixona por Bernadette. "É a primeira vez que faço par romântico com uma transexual. Ele tem 58 anos, e é do interior. Então fala com um sotaque meio caipira, meio mineiro, meio nordestino. Tive que deixar a barba crescer e pinto os cabelos de branco", revelou.
 
As apresentações de Priscilla, Rainha do Deserto no Teatro Bradesco (R. Turiassú, 2100 - 3º piso) acontecem às quintas e sextas, às 21h; sábados, às 17h e às 21h; e domingos, às 16h e às 20h. O musical fica em cartaz até 9 de dezembro.
 

quarta-feira, 29 de agosto de 2012

(fdp) 1. episódio: Juiz X Juiz

Se você não pôde conferir o primeiro episódio de (fdp) a nova série de Saulo Vasconcelos na HBO assista agora completo no vídeo abaixo.

 

domingo, 26 de agosto de 2012

(fdp): Juiz tem que ser macho

E hoje na HBO às 20:30h será a estreia de (fdp). Saulo Vasconcelos como o Bandeirinha Serjão esta no elenco principal da trama que promete falar sobre o mundo dos juízes de futebol e ter também uma grande pitada de humor.

Vejam abaixo mais uma chamada da série, no qual, Juiz tem que ser machão para exercer a profissão e em seguida o resumo do primeiro capitulo.




Resumo do primeiro capitulo.

 

sábado, 25 de agosto de 2012

(fdp): A Bandeirinha

Vejam mais um vídeo de (fdp), agora falando sobre os Bandeirinhas ou "A Bandeirinha". Nesse vídeo tem imagens de Saulo Vasconcelos vestido totalmente de Rosa e loira em um dos delirios de Juarez.



Vejam o vídeo completo da imagem acima, pois (fdp) promete ser uma comédia divertidissíma.
 
 

quinta-feira, 23 de agosto de 2012

HBO estreia no próximo domingo a série "(fdp)"

Mais que filho da p**a!"

Quem nunca pronunciou a famosa frase ao acompanhar uma partida de futebol do seu time de coração e ter um lance anulado pelo árbitro? Em cima de um tema tão comum, a HBO lança uma nova série, que estreia no próximo dia 26 de agosto, sobre o nosso querido árbitro com título de seu apelido carinhoso: "(fdp)".

Imagem: HBO / Prodigo Films

A série retrata o movimentado mundo do futebol a partir do ponto de vista de um árbitro. Normalmente odiados e quase sempre alvos de xingamentos da torcida, os árbitros ganham reconhecimento nessa narrativa inovadora. Os episódios de "(fdp)" apresentam o cotidiano, os conflitos éticos, a violência e diversas outras situações envolvendo estes profissionais que lidam com a paixão dos torcedores e estão sempre entre vencedores e vencidos.

Juarez Gomes da Silva, o árbitro, é Eucir de Souza, sujeito que perde a mulher, Manuela (Cynthia Falabella) depois de lhe transmitir doença venérea. E é na disputa pela guarda do filho do casal, Vini (Victor Moretti), que o nosso árbitro exibirá ao espectador os níveis de pressão por que passam os seus pares na vida real. O juiz da Vara de Família que decidirá sobre a guarda do filho é também presidente de um grande clube que disputa a final de um grande campeonato, em partida apitada por Juarez.

Além da guarda do filho, o maior sonho do árbitro é apitar um jogo da Copa do Mundo. Buscando realizar seus objetivos, ele consegue ser escolhido para atuar em um dos jogos da taça Libertadores da América.

O elenco da série conta também com os atores Paulo Tiefenthaler, Saulo Vasconcelos, Fernanda Franceschetto, Domingas Person e Chris Couto. Além disso, alguns episódios contarão com as participações especiais dos jogadores Neymar, Rivelino, Dentinho, Basílio e do jornalista esportivo Juca Kfouri.

A série terá 13 episódios de 30 minutos e conta com direção geral de Adriano Civita, que também é responsável pela direção de alguns dos episódios. Além dele, estão também na direção Katia Lund, Caíto Ortiz e Johnny Araújo. O argumento é de Adriano Civita, Francesco Civita e Giuliano Cedroni e o roteiro de José Roberto Torero e Marcus Aurélio Pimenta. A produção e realização são da produtora Prodigo Films, com fundos de incentivo da Ancine.

"(fdp)"
HBO
Todo domingo, às 20h30.
 

segunda-feira, 20 de agosto de 2012

Las Desventuras de un arbitro de futbol

 
No es necesario explicar el significado del título de "(hdp)", teleserie brasileña que HBO comienza a emitir el próximo domingo 26. Es una abreviatura de lo que piensan los hinchas sobre su protagonista. Obviamente, se trata de un juez de fútbol.
El programa cuenta, el clave de comedia, los dilemas personales y profesionales de Juarez Gomes Da Silva (Eucir de Souza), un referí paulista de 35 años cuyo gran sueño es estar al frente de un partido de la Copa Libertadores de América.
Mientras viaja por su país y por el resto del continente siguiendo los partidos de la Copa, el personaje intenta resolver también algunos conflictos en su vida privada. La cancha no lo es todo, y el universo afectivo del hombre no es exactamente un éxito. Abandonado por su mujer y separado de su hijo, se empeña en tratar de ver más frecuentemente al niño (Vitor Moretti) al tiempo que busca volver a acostumbrarse a vivir en casa de su madre (Maria Cecilia Audi) y con el novio de ésta (Adrián Verdaguer).
Producida por la empresa Prodigo Films para HBO Latin America, y conformada por 13 capítulos de 30 minutos de duración, la serie ha sido escrita por José Roberto Torero y Marcus Aurélio Pimenta a partir de una historia de Adriano y Francesco Civita y Giuliano Cedroni. Adriano Civita es también director de algunos de los episodios (otros han corrido por cuenta de Katia Lund, Caíto Ortiz y Johnny Araújo). Aparte de los nombres mencionados más arriba, el elenco incluye también a Cynthia Falabella, Paulo Tiefenthaler, Saulo Vasconcelos, Fernanda Franceschetto, Domingas Person y Chris Couto. Algunos capítulos también cuentan con la participación especial de los jugadores Neymar, Rivelino, Dentinho, Basílio y del periodista deportivo Juca Kfouri.
El proyecto de (hdp) se originó un par de años atrás, a partir de una idea del libretista, escritor y columnista de deportes José Roberto Torero. A partir de allí se produjeron una serie de reuniones de Torero con ejecutivos de HBO Latin America, y la empresa norteamericana impulsó una especie de competencia entre varios libretistas brasileños con el objetivo de producir un nuevo programa. Finalmente, la de Torero (a la que se le fueron sumando los otros nombres) resultó la propuesta ganadora. Hubo demoras en el acuerdo de HBO con la productora brasileña Prodigo, porque una norma de Ancine (Agncia Nacional do Cinema de Brasil) exigía que los derechos patrimoniales de la serie (en definitiva, la posibilidad de exportarla) quedaran a cargo de la empresa nacional.
Conviene tener en cuenta que HBO sigue siendo la productora de televisión extranjera que más invierte en Brasil (recordar Mandrake, Hijos del carnaval, Alice, Mulher de Fases, Preamar y otras), al amparo de los incentivos fiscales impulsados por el gobierno del PT. La ley 12.458/2011, regulada por Ancine, establece que deben emitirse en TV paga tres horas y media de contenido nacional por semana, dentro de los canales de películas y variedades, en el horario estelar.
"Siempre realizamos muchas producciones locales y tenemos más series en Brasil que en cualquier otro país de América Latina", ha explicado Miguel Oliva, vicepresidente de Comunicaciones Corporativas de HBO Latin America. La cadena tiene actualmente en preproducción otro proyecto con Brasil. Está trabajando (y pondrá en el aire en 2013) O Negócio, otra serie, también en 13 episodios y grabada en Sao Paulo, acerca de tres prostitutas de lujo, Karin, Luna y Magali (interpretadas por Rafaela Mandelli, Juliana Schalch y Michelle Batista), que unen fuerzas y aplican todos sus conocimientos académicos para llevar adelante un plan de negocios lo más profesional posible.
Sao Paulo es también el marco en el que transcurre la acción de Destino SP, cuyos episodios presentarán historias de inmigrantes como bolivianos, coreanos y judíos en busca de una vida mejor en la ciudad. Producida con la empresa local O2 Filmes, Destino SP consta de seis capítulos que cuentan historias independientes, cada una de ellas centradas en un personaje diferente. Creado por Fábio Mendonca (también director de algunos de los episodios) ha sido escrita por Thiago Dottori, Teo Poppovic, Felipe Braga, Alex Gabassi y Manuela Sawitzki.
Productora norteamericana se dispone a contar en el cine la historia de Pelé
El fútbol no es únicamente el tema de una teleserie brasileña. También en Hollywood se disponen a rodar una biografía de Edson Arantes do Nascimento, el incomparable Pelé. Los hermanos Jeff y Michael Zimbalist escribirán el libreto y dirigirán el film, aún sin título.
"Va a ser una historia de crecimiento, que abarcará desde la infancia de Pelé, hasta el momento en que ganó la Copa del Mundo de Suecia, con 17 años", ha declarado el presidente de la productora Imagine Entertainment, Kim Roth. El film fue propuesto a Imagine por el presidente do Cosmos de Nueva York, Paul Kemsley, propietario de los derechos de adaptación al cine de la historia del jugador.
 

domingo, 19 de agosto de 2012

(Mal) pago para ser xingado

CRISTINA PADIGLIONE -
O Estado de S.Paulo

Profissional cuja mãe ocupa o topo das figuras mais xingadas no mundo todo, independentemente de sua competência, o árbitro de futebol finalmente ganha lugar de protagonista - na ficção, bem entendido. FDP, série cuja sigla quer dizer aquilo mesmo que você está pensando, põe o juiz de futebol no centro da narrativa, sem privá-lo da condição de anti-herói exercida na vida real. Em 13 episódios, o título tem produção da Pródigo Filmes e entra no ar domingo que vem, às 20h30, quatro anos depois do início de sua produção.

Juarez Gomes da Silva, o árbitro, é Eucir de Souza, sujeito que perde a mulher, Manuela (Cynthia Falabella) depois de lhe transmitir doença venérea. E é na disputa pela guarda do filho do casal, Vini (Victor Moretti), que o nosso árbitro exibirá ao espectador os níveis de pressão por que passam os seus pares na vida real. O juiz da Vara de Família que decidirá sobre a guarda do filho é também presidente de um grande clube que disputa a final de um grande campeonato, em partida apitada por Juarez. "Esse personagem, além de ser o anti-herói, é uma figura muito frágil perto daquelas estrelas bem pagas do futebol", diz Giuliano Cedroni, um dos donos da Pródigo, que assina o argumento com os sócios Francesco Civita e Adriano Civita, diretor-geral da série.

O roteiro é de José Roberto Torero. "O árbitro é o cara que pode decidir o destino de um jogador e, no entanto, não recebe estrutura nenhuma para isso", completa Giuliano. Intérprete do bandeirinha Carvalhosa, melhor amigo de Juarez - "para tomar cerveja", avisa o personagem: "se quiser colo, chama a mamãe" -, o ator Paulo Tiefenthaler ficou impressionado com o cachê pago a um árbitro no Brasil. O elenco todo passou por laboratório real antes e durante as filmagens. "Para apitar um jogo de Brasileirão, eles ganham em torno de R$ 300. Se for uma final, chega a 800."

Segundo Tiefenthaler, "só quem está no campo tem noção de como a acústica dos estádios é boa". "Você escuta tudo de lá, todos os palavrões." O elenco conta ainda com Maria Cecília Audi, a protagonista indireta da série, ou seja, a mãe do juiz, Adian Verdaguer, no papel de Guzmán, seu namorado, Saulo Vasconcelos, que completa o trio de arbitragem, e Gustavo Machado, o namorado da ex-mulher de Juarez. As participações especiais formam um cast à parte, com gente muito mais conhecida que o próprio elenco central, todos em papéis distintos da vida real. Neymar, por exemplo, é apresentado como "o garoto do filtro". Rivellino entra em cena como um padre e Juca Kfouri, como jornaleiro. Isadora Ibeiro encena a "maria chuteira", Rincón faz o ex-jogador em programa de mesa redonda, Dentinho vira repórter e Júlio César, torcedor.

Só o fotógrafo J. R. Duran aparece como ele mesmo. Custo. Orçada em R$ 9,12 milhões, a série cria nomes genéricos de time de futebol. Pauliceia, por exemplo, é time com camisa muito similar à do São Paulo, e de fato a equipe gravou parte de uma torcida real em jogo do São Paulo. "Usar times de verdade não caberia no nosso orçamento, isso implicaria uma série de direitos que a gente não poderia pagar", conta. A Red Bull, sim, ganha exposição na camisa do time em foco durante uma das partidas, mas em troca da ajuda dada à equipe da Pródigo na escalação de atletas para cenas fictícias.

Segundo Giuliano Cedroni, a HBO procurava, há quatro anos, uma série sobre futebol entre todos os países latinos. "Apresentamos esse argumento do árbitro e eles acharam muito original", conta. "Mas produzir ficção sobre futebol é muito difícil", cita, da locação de estádios à figuração necessária a algumas imagens de torcida. Vem de lá, afinal, o xingamento em coro que justifica o título da série. Verba de incentivo. Dos quatro anos consumidos na produção de FDP, no entanto, nem tudo foi em função de filmagens.

As gravações foram interrompidas por 11 meses, até que o contrato de coprodução com a HBO fosse abençoado pela Ancine, Agência Nacional de Cinema, que liberou os recursos para a realização do programa. É que foi bem durante o período de produção de FDP que a Ancine resolveu rediscutir o modelo de sociedade entre canais internacionais e produtoras independentes brasileiras em projetos avalizados com verba pública. Desde então, os estrangeiros devem ser minoritários nessa parceria, cabendo às produtoras o papel majoritário. A condição faz diferença especialmente na hora de exportar o produto.

FDP será exibida simultaneamente ao Brasil em toda a América Latina, pela HBO, que também já garantiu usa exibição em seus canais nos Estados Unidos e na Polônia. E, convenhamos, o universo do futebol, às vésperas de uma Copa do Mundo no Brasil, conspira muito a favor de sua venda no exterior. "Estamos cruzando os dedos", torce Adriano Civita.

quarta-feira, 15 de agosto de 2012

Série da HBO vai estrear no próximo dia 26

Publicidade
Neymar, Rivelino, Rincón, Dentinho, Júlio Cesar, Juca Kfouri e a bandeirinha Ana Paula de Oliveira são algumas das participações especiais de uma série com nome curioso que estreia no canal pago HBO no próximo dia 26: (fdp). A sigla é de um conhecido palavrão que torcedores mais irritados costumam soltar quando vão xingar um juiz de partida de futebol. E é sobre esse personagem polêmico dos estádios que o novo programa vai tratar, a partir das 20h30, com 33 minutos de duração, em 13 episódios.
A série vai contar a história do juiz de futebol Juarez Gomes da Silva, vivido por Eucir de Souza. Seu sonho é apitar a final da Copa do Mundo. Apesar de algumas vitórias profissionais, sua vida pessoal é uma derrota. Com um filho e abandonado pela mulher, ele precisa encontrar uma maneira de reconquistar a sua família e recolocar sua vida nos eixos.
Com direção de Kátia Lund, Caito Ortiz, Adriano Civita e Johnny Araújo, o elenco traz Saulo Vasconcelos, Paulo Tiefenthaler, Vitor Moretti, Maria Cecília Audi, Cynthia Falabella, Eucir de Souza, Fernanda Franceschetto, Adrian Verdaguer, Walter Breda, Flavio Tolezani, Domingas Person, Chris Couto, Gustavo Machado e Carlos Meceni. A série foi criada por José Roberto Torero e Marcus Aurelius Pimenta, com base em argumento de AdrianO Civita e Giuliano Cedroni.
 
 
 
 

sábado, 11 de agosto de 2012

(fdp): O Trio de Arbitragem

Conheçam o trio de arbitragem de (fdp). Sergião (Saulo Vasconcelos), Carvalhosa (Paulo Tiefenthaler) e Juarez (Eucir de Souza ). Vejam abaixo o que esse trio é capaz e vejam em breve tudo na HBO.

 


Estreia dia 28.08.2012 na HBO

quinta-feira, 9 de agosto de 2012

(fdp): Especial

Veja o especial (fdp). Tudo sobre a série que promete ser um estouro da HBO nessa tempora. A visão dos atores sobre seus personagens e cenas inéditas da série e dos bastidores.


Acesse a página de FDP em HBO Brasil http://www.hbomax.tv/fdp e encontre vídeos, trailer, galeria de imagens e informações sobre os atores e personagens da série FDP da HBO.

FDP é uma comédia brasileira da HBO onde Eucir de Souza interpreta um árbitro da Copa Libertadores que será o protagonista da euforia e da raiva dos fãs de futebol conforme vemos nos jogos.

A série FDP, conta com a participação de excelentes atores brasileiros como: Cynthia Falabella, Saulo Vasconcelos e Neymar.

Não perca! Estreia dia 26.08.2012 na HBO!!

quinta-feira, 26 de julho de 2012

(fdp) novo trailer

Segundo trailer do seriado (fdp) que estreia no fim de agosto na HBO. O novo trailer já mostra partes do seriado e muito rapidamente Saulo.

Fiquem ligados!!!





Saulo Vasconcelos será Serjão Balado. Sérgio é bandeirinha e amigo de Juarez, ao lado de quem sempre atua, tal qual Carvalhosa. Gay não assumido, é discreto e chama a atenção pelo seu temperamento machão. Faixa preta de tae-kwon-do, ele adora cozinhar.

A série (fdp) acompanha a história do juiz de futebol Juarez Gomes da Silva.

O sonho de Juarez é apitar a final da Copa do Mundo. Apesar de algumas vitórias profissionais, sua vida pessoal é uma derrota. Com um filho e abandonado pela mulher, ele precisa encontrar uma maneira de reconquistar a sua família e recolocar sua vida nos eixos. Em 13 episódios, um olhar inédito e generoso para esse personagem tão mal compreendido.

Esta produção conta com várias participações de jogadores e especialistas em futebol.

Acesse a página de FDP em HBO Brasil http://www.hbomax.tv/fdp e encontre vídeos, trailer, galeria de imagens e informações sobre os atores e personagens da série FDP da HBO.

quarta-feira, 25 de julho de 2012

Saulo Vasconcelos estrela dos maiores musicais no Brasil

Wesley Sathler recebe Saulo Vasconcelos no programa "Sala Brasil", estrela dos maiores musicais já mostrados no Brasil.

Clique na foto para assistir o vídeo
O programa vai ao ar toda quarta-feira ao vivo às 11h pela ClicTV.
www.clictv.com.br    

sábado, 14 de julho de 2012

Chamada da série (fdp) para a América Latina

Chamada da série (fdp) no Brasil e (hdp) para toda a América Latina. No elenco principal Saulo Vasconcelos interpretará Serjão. A série ainda conta com participações de Neymar, Edmudo, Rivelino e Isadora Ribeiro.

Chamada para a América Latina

Chamada para o Brasil 



A série “FDP” gravada há mais de um ano, finalmente teve definida a data de estreia no HBO. A emissora levará ao ar a história de um juiz de futebol constantemente xingado pelo palavrão do título a partir do dia 26 de agosto, às 21h. É a segunda produção nacional do canal por assinatura exibida este ano, depois de “Preamar”.

domingo, 1 de julho de 2012

Revista Veja edição 2275

Vejam a matéria da Revista VEJA da edição passada com várias curiosidades sobre o Teatro Musical no Brasil, falando dos atores e produtores do meio inclusive Saulo Vasconcelos.

Para ler a matéria clique na imagem para maximizar.







domingo, 24 de junho de 2012

(fdp): Em agosto na HBO

Em breve. Nova série exclusiva. Só na HBO.

Fora de campo, ele atende por outro nome.

A vida de um árbitro além dos campos de futebol. Juarez Gomes da Silva, busca seu maior sonho: apitar a final de uma Copa do Mundo. Nesta primeira temporada dará seu primeiro passo, atuar na Copa Libertadores. Enquanto isso, sua vida pessoal está de cabeça para baixo.



A série tem no elenco os atores Eucir de Souza que interpretará o juiz Juarez, Cynthia Falabella, Saulo Vasconcelos (Serjão) e Chris Couto.

sábado, 16 de junho de 2012

Rock e Cinema - Saulo Vasconcelos, Cesar Gavin e Rodrigo Rodrigues no On Top

Vídeo de Saulo Vasconcelos  no programa ON TOP com o tema "Rock & Cinema" com participação também de Rodrigo Rodrigues (jornalista e músico) e Cesar Gavin (produtor musical).

 

quarta-feira, 13 de junho de 2012

Zieg Viu: Priscilla, Rainha do Deserto

O musical Priscilla, Rainha do Deserto, em cartaz no Teatro Bradesco, em São Paulo, é pura festa; uma explosão de cores, ritmos e músicas muito conhecidas do mundo pop.

Assim que foram anunciadas as audições, surgiu a enorme curiosidade para saber quem daria vida às três famosas drag queens do cinema. Os testes foram concorridíssimos: atores, cantores e bailarinos, todos usando sapatos de salto alto; e de cada grupo de 20 pessoas, apenas um ou dois voltavam para o callback. Os diretores originais australianos e a produção brasileira abriram mão de alguns famosos que se candidataram às vagas e decidiram escolher grandes atores e cantores para o espetáculo (diferentemente de outras produções atuais). E o resultado está lá: um elenco brilhante que todas as noites faz a plateia vibrar.

As Aventuras de Priscilla, a Rainha do Deserto é um filme australiano de 1994 escrito e dirigido por Stephan Elliott. A história gira em torno da viagem de três drag queens que atravessam o deserto de Sidney até Alice Springs, num ônibus que eles ironicamente batizam de “Priscilla”. A história do musical é basicamente a mesma do filme: Mitzi (Luciano Andrey) quer ir até Alice Springs visitar seu filho e fazer suas performances no hotel que pertence a sua ex-mulher (Naíma); e para isso convida suas duas “amigas” drag queens, Bernadette (Ruben Gabira) e Felícia (André Torquato). Na estrada, eles conhecem algumas pessoas pelo caminho e dividem suas intimidades, fazendo com que os laços de amizade entre eles se estreitem e assim vivam grandes aventuras.

Na época em que foi lançado, o filme ajudou a fazer com que o cinema australiano ficasse conhecido do grande público, mas principalmente trouxe uma visão positiva do mundo gay. Após a pesada década dos anos 80, com o surgimento da AIDS e a vinculação desta doença aos homossexuais (conhecida na época como o “Câncer Gay”), o filme serviu para revelar um novo olhar para esta comunidade.

O musical, que surgiu também na Austrália (e depois foi montado na Nova Zelândia, Londres, Canadá, Nova York e Itália, respectivamente) também tem este mérito. Ele faz com que a plateia ria, se emocione, torça e nem se lembre da orientação sexual dos personagens e sim dos seres humanos que ali estiveram contando suas histórias.

Mas a montagem para os palcos também traz algumas diferenças: no musical, talvez por causa da linguagem, pelos cenários megacoloridos, ou mesmo por opção da direção, não temos o clima árido que há no filme. Nas telas, as cenas paradas das três drags perdidas no deserto, alternam-se com momentos de explosão e cores das três ‘montadas’ se apresentando. Isso não acontece no palco. A impressão que dá é que no musical tudo ficou mais leve. Um exemplo muito claro disso é quando os moradores de uma cidade picham o ônibus para ofender as três. No filme eles escrevem: ‘AIDS fuckers go home!’ (algo como ‘Aidéticos putos, caiam fora!’), sendo que no musical aparece apenas ‘Fodam-se bichonas!’.

Outra grande diferença – e uma belíssima sacada – é que no musical a história toda é guiada por três Divas (Priscila Borges, Livia Graciano e Simone Gutierrez) que interpretam e representam as grandes divas da música pop. Todos as músicas dos shows das drags, ou mesmo as músicas que servem para nos trasportar de uma cena a outra, são cantadas por elas. Impossível não se empolgar com a abertura do espetáculo, It´s Rainning Men, e com I Will Survive, interpretadas com garra na linda voz de Priscila Borges. Ou não se embalar com o negritude de Lívia Graciano, que com sua belíssima voz brinca com enorme facilidade em I Say a Little Prayer. Já Simone Gutierrez está ótima ao cantar a primeira parte de Material Girl (dublada por Felícia no palco), mas destoa um pouco das outras divas quando canta Girls Just Wanna have Fun (Cindy Lauper). E por falar em música, nenhuma das músicas do grupo ABBA que aparecem no filme estão no musical (pois elas fazem parte de outro musical, o Mamma Mia!). Mas não se preocupe: outros hits estão lá, e vão fazer você querer levantar da cadeira.

Não podemos deixar de citar também alguns pequenos personagens, mas mesmo assim marcantes, que aparecem na história: Leandro Luna abre o espetáculo com a sua hilariante e eletrizante Miss Segura, e surpreende com a sua imitação perfeita de Tina Turner e seu ágil senso de humor. Andrezza Massei está irreconhecível e divertidíssima como Shirley, uma ‘caipirona-meio-masculina’ do interior australiano, e Lissah Martins também arranca grandes gargalhadas do público com sua hilária Cynthia, filipina expert em pompoarismo e mulher de Bob (Saulo Vasconcelos). Saulo também marca presença neste musical como o delicado Bob, um mecânico que se encanta por Bernadette.

No entanto existem dois pontos que merecem a nossa refelxão: a dramaturgia do musical e sua adaptação brasileira. O público no Brasil já está acostumado a ver nos palcos os famosos musicais traduzidos para o português, afinal de contas as músicas acabam sendo textos-cantados, e fazem parte da cena. Mas no caso de Priscilla isso nem sempre acontece. As músicas que são cantadas pelas divas e dubladas pelas drags são cantadas em inglês e tudo bem, fazem parte dos shows. Mas não deixa de ser estranho e, de certa forma, elitista quando um dos personagens canta no meio da cena e muitas vezes começa em português e logo a música volta para o inglês, fazendo com que muitos na plateia percam o que ele está dizendo. Podemos ver isso várias vezes no espetáculo. Um exemplo é quando o personagem de Luciano Andrey canta I Say a Little Prayer: ele está lembrando de seu filho Benji e canta (em português) que toda manhã acorda e, antes de se arrumar, faz uma oração para seu filho; mas quando entra o refrão (‘Forever and ever, you´ll stay in my heart and I Will Love You’) ele canta em inglês e pode ser que nem todas as pessoas que estão assistindo entendam. Isto também acontece quando Bernadette vem mostrar um gesto de carinho por Mitzi e canta True Colors. E o texto se perde.

A dramaturgia do musical vai bem até metade do segundo ato, mas enfraquece no final. Diferentemente do filme, não fica muito claro que as três sobem “montadas” nas montanhas para realizar um sonho – e não ficamos sabendo o que acontece com cada uma delas depois dali.

Mas tudo isso são detalhes perto deste espetáculo, e perto das incríveis atuações de Andrey, Gabira e Torquato. Gabira está maravilhoso como Bernadette, a transexual que não se conforma em como as drags atuais preferem cantar com sua própria voz e estão se esquecendo da arte da dublagem. Ele imprime muita delicadeza a sua Bernadette, e nos faz esquecer, assim como Terence Stamp no filme, que seu personagem já foi um homem; apesar da Bernadette de Stamp ser um pouco mais amarga. André Torquato está divertido e lindo como Felícia, a drag mais jovem – e diferentemente de Guy Pearce, sua Felícia é um pouco menos ‘maldita’ e mais engraçada. A cena em que ele apanha de um grupo de rapazes homofóbicos é um dos momentos altos do show. E por último e não menos importante, Luciano Andrey está incrível como Mitzi. Ele consegue, com delicadeza e com enorme controle de sua atuação, nos fazer transitar por todas as emoções e coloridos que seu personagem vive, mostrando como faz diferença termos bons atores fazendo musicais. Os três, incríveis.

Priscilla, Rainha do Deserto é uma celebração à vida, à liberdade de expressão e é também uma bandeira erguida à tolerância ao próximo. Duvido quem não se emocione ao ver a simplicidade com que Benji, o filho de Mitzi, lida com a situação de ter um pai homossexual. Assim como ele, Priscilla nos mostra que todos somos lindos do jeito que somos, com nossas verdadeiras (e únicas) cores.

ZIEG VEREDITO: Abra suas asas, solte suas feras, caia na gandaia, entre nesta festa!

quinta-feira, 7 de junho de 2012

A magia de André Rieu fascina time VIP em SP

Foi com o tema de O Lago dos Cisnes, de Tchaikovsky (1840-1893), que o maestro e violinista holandês André Rieu (62) iniciou sua primeira apresentação em solo brasileiro, no Ginásio do Ibirapuera, em SP. “Com minha arte, consigo conduzir as pessoas, fazendo-as chorar, rir, dançar”, discursou Rieu, ao dividir o palco com a Johann Strauss Orchestra, mesclando as músicas erudita e popular a pitadas de humor, encantando antigos admiradores, como a atriz Eva Wilma (78), que assistiu ao show do camarote vip de CARAS. “Sou fã de André Rieu há 10 anos e tenho muitos CDs e DVDs. Eu o acho um grande artista e comunicador”, revelou a estrela.


Surpresos com o figurino princepesco dos músicos, o sertanejo Luciano Camargo (39) e sua Flávia Fonseca (31) eram só elogios. “Esse show é uma dádiva de Deus, é maravilhoso. Costumo dizer que sou do tipo que vai de Reginaldo Rossi a Beethoven, entregou o cantor, acompanhado do filho Nathan (17), de relação anterior, que prestigiou a ocasião ao lado de Rosana Jatobá (41) e Juan Alba (47). “O show de André Rieu é divertido e profundo”, disse Rosana
.
A imagem da bandeira verde-amarela no cenário cativou fãs como Saulo Vasconcelos (37), Sara Sarres (30) e Cleto Baccic (42). “Chorei de emoção”, falou Saulo para o casal Germano Pereira (31) e Marta Giovanelli (32). “A música clássica é a mais linda do mundo”, concluiu a cantora Zizi Possi (56).
Revista CARAS | 7 de Junho de 2012 (EDIÇÃO 970 - ano 18)

sábado, 19 de maio de 2012

Festa do Elenco Priscilla "Rainha do Deserto"

Para quem aprecia um luxuoso restaurante ao melhor estilo Bar/Lounge, com música ambiente, as melhores bebidas e os mais variados e deliciosos pratos e sobremesas, pôde desfrutar de tudo isso no sábado, 12/05/12, no 00 São Paulo com o elenco de  PRISCILA A RAINHA DO DESERTO que foi ao local para comemorar sua 50ª apresentação este ano. A peça está bombando no teatro Bradesco.
As apresentações acontecem de quinta e sexta, 21h; sábado, 17h e 21h; domingo, 16h e 20h. Os preços variam entre R$ 40 e R$ 250. O elenco reúne atores que fazem da apresentação um memorável espetáculo que vem divertindo e encantando a todos, entre eles estão Saulo Vasconcelos, Luciano Andrey, Simone Gutierrez, Naíma, Andrezza Massei e o jovem talento André Torquato.


Abaixo, algumas fotos dessa noite deliciosa:











terça-feira, 15 de maio de 2012

Visão Masculina - Saulo Vasconcelos e Leandro Luna

Para falar sobre as loucuras e sobrevivências da vida, Ronnie Von recebeu os atores e cantores Saulo Vasconcelos e Leandro Luna no quadro Visão Masculina do programa TODO SEU!!!!

Acompanhe o programa que foi ao ar na última quinta-feira.

domingo, 13 de maio de 2012

Trânsito combina com heavy metal, diz o ator Saulo Vasconcelos

FABIANA SERAGUSA
DE SÃO PAULO

Foi o rock que levou Saulo Vasconcelos a cantar e a se tornar um requisitado ator de musicais. Com 12 anos de carreira, já foi protagonista de "A Bela e a Fera" e "O Fantasma da Ópera". Atualmente, o artista --de 38 anos-- interpreta o mecânico Bob de "Priscilla, Rainha do Deserto", em cartaz até 29 de julho no teatro Bradesco (zona oeste de São Paulo). Mas não é só nos palcos que dá para curtir seu trabalho: ele também lançou o disco de pop "Pretty Words", em 2009, e fez a primeira participação no cinema no curta "Os Olhos da Janela", que estreou no ano passado. Quando tem uma folguinha, o brasiliense --em São Paulo desde 2001-- gosta de ver show de bandas de heavy metal, como Metallica e Dream Theater.



Mas no fim da noite a cidade ganha ares de Jazz, afirma o protagonista de Priscilla.


Que tipo de música define a cidade?
Eu definiria por partes. O trânsito como heavy metal, por razões óbvias. Já nas minhas corridas no final da manhã ou à tarde, no parque Villa-Lobos [zona oeste], a coisa já ganha ares de música clássica. E, quando estou voltando para casa, geralmente depois do espetáculo, o que mais combina seria um jazz tradicional, para dar uma desacelerada.

Você mora na Pompeia desde 2006. O que o bairro tem de melhor?

Adoro o shopping Bourbon, por reunir cultura. Tem teatro, boas salas de cinema e uma livraria que frequento quando não estou trabalhando.

O que mais gosta de fazer nas folgas?

Além de ir ao cinema, gosto de correr no parque. Também me sinto em casa quando estou na praia. Mesmo não sendo na capital, ela faz parte das opções do paulistano.

Onde costuma ver shows de heavy metal, estilo que curte?

Costumo ir principalmente ao Manifesto Bar [zona oeste]. O heavy metal se encaixa nos momentos em que preciso extravasar um pouco alguma tensão. Mas já fui muitas vezes ao Blackmore [zona sul] e ao O'Malleys [zona oeste], que já têm uma música mais voltada para o hard rock. O rock me liberta. Eu sempre quis ter uma banda quando criança. Foi o rock que me fez aprender a cantar. O canto me levou para a ópera num primeiro momento e, depois, aos musicais. Está tudo interligado.

"Priscilla" mostra o universo dos gays e das drag queens com muito humor. Acha que São Paulo é uma cidade que aceita bem os gays?

Acho que aceita melhor do que no Nordeste ou em outras regiões mais conservadoras do país. Mas ainda falta um longo caminho até a eliminação completa do preconceito. Do meu ponto de vista, ninguém escolhe ser gay. Simplesmente é.

Revista São Paulo, domingo 13.05.2012